Urucuzeiro

Na estrada favorita entre aqui e aí

Onde os montões de areia se encontram pra dividir tiquira e camarão seco com limão e pimenta…

As bocas do urucu jorram vermelho e pó de enfeitar terra de chão batido.

Ah, como o Maranhão é bonito…

Olhei o pé de corante lá no canto,

Barriga com borboletinhas…

porque até respirar o calor dessas bandas com nariz pequeno é difícil…imagina ver um pé de corante gritando pra todo mundo ouvir… que “era dia de colorir o mundo“.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s