Quando eu morava nas fotografias da National Geographic

Eu gosto de fotografar flores, insetos, musgos nas paredes. Quando eu era pequena, meus olhos eram que nem um microscópio: eu amava sentar diante dum vaso com terra, planta e catalogar os detalhes. Eu posso passar dias e dias olhando pro nada…é que nem quando a gente liga a tevê naqueles canais que mostram a natureza e um homem com a voz calma tá narrando tudo…mesmo quando o programa é o de barcos de pesca de caranguejos azuis a gente também se sente confortável. Acho que é por isso que eu caibo na vida do interior. No interior do interior as pessoas passam horas sentadas na porta vendo o espetáculo da vida. Eu acho isso tão incrível. Ninguém precisa de lugares famosos, de luzes, de coisas gigantescas… A vida e um homem com voz calma narrando tudo são o suficiente. Essa flor, bem no meio dum jardim bagunçado, mas totalmente coerente pra mim, me lembra o silêncio que busco quando quero ter olhos microscópicos pra vida…Eu acho que a gente tá vivendo um pouco a busca por miudezas porque o entorno anda bem barulhento e mesmo que precisemos de voz, a força a gente busca como pode e como dá. Sentar na frente de um vaso, cavar a terra com aos mãos, olhar praqueles micro micro micro universos é um respiro. Tenta…
(Novembro de 2019)

Jardim no Soho, NYC, outubro de 2018

2 comentários em “Quando eu morava nas fotografias da National Geographic

  1. Eu não sirvo para a vida do interior… acho monótono aquele olhar fixo para o nada. Gosto mesmo é de olhar pela janela e ver a cidade em ondas-camadas. Observar as mudanças e os muitos ontens em suspensão. Sou urbana e a natureza é algo para o outro. Sei que ela está dentro de mim, em mim e por aí. Se fechar os olhos sinto tudo. Mas não quero ao meu redor. rs

    bacio

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oh, Lunna, minha mãe pensa igual e ela não sabe como aguento. Diz ela que puxei a uma tia minha que mora no meio da floresta no Pará . Mais nova eu achava lá no fundo que eu tinha Algo de natureza. Assim que mudei, no início achava que não ia gostar, pois desde sempre morando em capital. Acabou que gostei. Mas de vez em quando desço pra ilha-capital ver o movimento de lá.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s