Óculos de Pessoa, óleo sobre tela

Quando eu pintei esses óculos, tinha vinte anos, muitas perguntas e um punhado de paixões… Eu adorava fazer pequenas coisas pros poetas que amava. A primeira paixão foi Aluísio de Azevedo. Eu tinha 15 e ele 21, ambos ultrarromânticos, ambos idealistas, saudosistas e fracos pra gripe. Fez sentido nos encontrarmos. Fiz uma poesia, registrei e selei pra eternidade essa paixão. Daí ele morreu duma queda de cavalo, eu fiz dezesseis e conheci Manuel Bandeira. Ele morava em Recife; eu em todos os lugares que lia, até em Pasárgada, que era onde a gt se encontrava pra falar mal do Parnasianismo lendo Rimbaud. Bandeira era amor; pq eu sabia que a Tuberculose e tantas outras questões nos atrapalhariam, mas eu só queria que ele ficasse bem e quando a gente quer muito que a pessoa fique bem, sem que isso tenha a ver com receber algo em troca, acho que tem mais amor aí do que qualquer outra coisa…Mas ele me deu muita poesia…E eu penso se no fundo não fui um tanto egoísta. E se só tivesse havido pra nós a estátua e as pontes de Recife?Daí Bandeira morreu de um pneumotórax, eu fiz dezessete e dancei um tango argentino em sua homenagem. Então eu ouvia rock nacional, era apaixonada pelo Cazuza e pela ideia de um codinome…e daí me apareceu num repente uma poesia…E ela falava de pessoas que se amam, nunca verbalizam isso, mas pressentem (“quem te disse ao ouvido esse segredo?”)…era Fernando Pessoa versando a vida…Eram todos os heterônimos…e foi pela visão de mundo, tão de vanguarda. Foi por ter tantas pessoas numa só, foi por dizer que ” navegar é preciso, viver não”, foi por falar da passagem das horas…E diferente dos demais, eu pintei os óculos de Pessoa…que era pra ver o mundo melhor… Esse tipo de amor, em que poeta e leitora, ambos avançam no mundo, não é isso que se quer? As pinceladas eram minimalistas, os traços infantis, mas por detrás da pretensa obra uma destemida colecionadora de paixões e poetas. Onde está essa corajosa moça que intuía, se mostrava, dedicava poesia e pintura aos seus? ONDE ESTÁ VOCÊ NO TEMPO?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s