Costura-se

Costura-se uma rima na outra
Sem bainhas, pofavô!
Sinestésica, creia

versos alexandrinos também (Menos na hora do meu filme do Godard)
Remendamos crônicas
Apregamos adjetivos e algumas expressões latinas
Damos jeito nos rasgões do peito, cá nos seus botões também…
E passamos café na hora
Vez em vento tem bolo de fubá!!!

1 comentário Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s