Sem categoria

Te vejo no meio do mapa

Um quarto Jane Austen Para ler as irmãs Bronte E reproduzir as cores de Van Gogh Ao passo que Tom e Monk dividem o piano (Sentados na beirada da cama) Porque sobre o banquinho eu descanso meus tornozelos fibromialgicos. Todo artista tem algum reumatismo Se não é nas juntas É no peito Doi muito por… Continuar lendo Te vejo no meio do mapa

Anúncios
Sem categoria

Óculos de Pessoa, óleo sobre tela

Quando eu pintei esses óculos, tinha vinte anos, muitas perguntas e um punhado de paixões... Eu adorava fazer pequenas coisas pros poetas que amava. A primeira paixão foi Aluísio de Azevedo. Eu tinha 15 e ele 21, ambos ultrarromânticos, ambos idealistas, saudosistas e fracos pra gripe. Fez sentido nos encontrarmos. Fiz uma poesia, registrei e… Continuar lendo Óculos de Pessoa, óleo sobre tela